RELEASES EMPRESARIAIS

SEGUNDA-FEIRA, 8 DE MAIO DE 2017 - Horário 13:11

Capital paulista recebe a 1ª edição da Feira Viva
Arte e Entretenimento / Uma feira que busca estreitar as relações entre a agricultura, o meio ambiente e a gastronomia, com forte apelo regional, fomentando iniciativas que representem modernas práticas de gestão levando produtos únicos e de forte identidade cultural às mesas da alta gastronomia de São Paulo. Denominado Feira Viva, o evento inédito trará para os consumidores paulistanos alimentos com os melhores sabores brasileiros, produzidos sob o conceito de terroir. O termo francês designa a origem dos produtos e suas particularidades regionais na oferta de uma alimentação saudável. A 1ª edição da Feira Viva tem estreia programada para o dia 6 de maio, das 10h às 19h, no Museu Brasileiro da Escultura (MuBE), localizado no Jardim Europa, na capital paulista.

A Feira Viva foi idealizada em 2016, em conjunto pelo produtor rural Patrick Assumpção, do Vale do Paraíba, pela agrônoma Keila Malvezzi e pela Sociedade Rural Brasileira (SRB), uma das principais entidades representativas do agronegócio, com patrocínio do banco Santander e ícones do seleto grupo de chefs brasileiros, como Alex Atala (D.O.M.) e Helena Rizzo (Maní). O projeto prevê a realização de quatro edições anuais - uma para cada estação do ano - com o objetivo de aproximar o produtor rural e as demandas dos consumidores, sobretudo, das zonas urbanas.

"O Brasil pode oferecer uma variedade gigantesca de produtos de altíssima qualidade e identidade regional, produzidos com técnicas modernas que conciliam o meio ambiente à atividade rural", destaca João Adrien, diretor da SRB. "Um dos nossos principais desafios é firmar essa tendência entre o público brasileiro, assim como já acontece nos países europeus", acredita Adrien, que aponta a Feira Viva como o primeiro evento de uma série de iniciativas planejadas para a comemoração do centenário da entidade, que acontecerá em 2019. Segundo Patrick Assumpção, o consumidor precisa saber como os alimentos são produzidos, onde e por quem, para ser capaz de definir um cardápio saudável para sua família. "Por isso, fizemos questão de oferecer somente produtos sazonais e locais", enfatiza o produtor rural. "A Feira Viva nos traz a possibilidade de disseminar, por meio da gastronomia, novosmodelos de negócio que conciliam produção agrícola e preservação ambiental,demonstrando que essas duas atividades podem caminhar juntas.", diz Assumpção.
Uma das propostas da Feira Viva é mostrar ao público que a agricultura brasileira é integrada e acomoda todos os modelos de negócio sem perder qualidade.

Fundamentado neste contexto, o Santander patrocina a realização do evento como grande oportunidade de mostrar ao público o formato de novos modelos de negócios para todo o agro brasileiro. Com o incentivo, o Santander também reforça sua participação no apoio às inovações empreendedoras e culturais, uma vez que, a gastronomia está entre as grandes expressões da cultura de um País.

A Feira

A Feira Viva terá dois espaços. Um deles será a Feira Viva Livre, destinada à venda de produtos e degustações espontâneas. O acesso será gratuito para o público.

O outro espaço será a Feira Viva Experiências, voltada a degustações de receitas preparadas por chefs renomados. Nesta primeira edição, o espaço contará com a participação de Alex Atala, do D.O.M., Helena Rizzo, do Maní, além de Gabriel Broide, do Mina, de Campos do Jordão, e Ivan Ralston, do Tuju. Divididos em duplas, os chefs farão receitas com ingredientes em exposição e à venda na feira, aproveitando a ocasião para contar suas histórias, assim como as respectivas abordagens técnicas e suas relações socioambientais com os ingredientes.
Também participam da área de experiências os especialistas em meio ambiente Ricardo Cardim e Harri Lorenzi. Nesta atividade os participantes serão convidados a conhecer o espaço, guiado pelo especialista e aprender, por meio de um bate-papo, mais sobre diversas espécies.

A Feira Viva Experiências será dedicada ao público que busca uma experiência gastronômica com os chefs – no conceito "TERROAR". O ingresso para o acesso a este espaço custará R$ 150 e poderá ser adquirido pelo site Food Pass (www.foodpass.com.br).

Programação Feira Viva Experiências
edição de Outono

1ª Experiência: 12h às 14h40
Chefs convidados: Helena Rizzo (Maní) e Ivan Ralston (Tuju)
(12:00) O participante é convidado a conhecer o espaço, e aprender mais sobre as espécies da Mata Atlântica com o especialista em florestas urbanas Ricardo Cardim.
(12:40 às 14h40) Os chefs Helena Rizzo e Ivan Ralston apresentam seus ingredientes, e o produtor conta um pouco sobre o alimento produzido, bem como o seu trabalho e a região onde está inserido.

-Serão oferecidos sucos de frutas nativas para degustação. A seleção de cervejas será feita pela cervejaria Colorado.

2ª Experiência: 15h30 às 18h10
Chefs convidados: Alex Atala (D.O.M.) e Gabriel Broide (Mina, em Campos do Jordão)
(15:30) O participante é convidado a conhecer o espaço, e aprender mais sobre Botânica e plantas alimentícias com o botânico Harri Lorenzi.
(16:10 às 18h10) Os chefs Alex Atala e Gabriel Broide apresentam seus ingredientes, e o produtor conta um pouco sobre o alimento produzido, bem como o seu trabalho e a região em que esta inserido.

-Serão oferecidos sucos de frutas nativas para degustação. A seleção de vinhos será feita pela vinícola Guaspari e a de cervejas pela cervejaria Colorado.

Serviço

Feira Viva – edição de Outono

Quando: 6 de maio (sábado)
Horário: 10h às 19h
Local: Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) – Av. Europa, 218, Jardim Europa

Website: https://www.feiraviva.com.br/
© 2014 Todos os direitos reservados a O Globo e Agência O Globo. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.